Você sabe como é o processo de criação para uma arte de mídia social?

por Kelly Voigt Wendt em 17/03/2021

Todos nós sabemos que as empresas estão cada vez mais conectadas nas redes sociais, como o Facebook, Instagram, Youtube, Twitter e Linkedin. As empresas publicam diariamente informações, curiosidades e tentam vender seus produtos e serviços, essas postagens chegam até nós de forma orgânica ou patrocinada.

Hoje vamos falar sobre a primeira parte das postagens, o planejamento e desenvolvimento da arte.

Primeiro vamos falar sobre a definição do calendário de postagens. Em uma data próxima ao final de cada mês, realizamos uma reunião com o cliente, onde definimos quais serão os objetivos do mês seguinte, quais as datas comemorativas, e quais os tipos de postagens iremos fazer. Para alinhar o calendário com o cliente, usamos a ferramenta Trello, que será explicada em um próximo artigo.

Após estar com as datas e temas definidos no Trello, começa a parte de criação. Vou dar como exemplo essa arte:

Nessa arte, escolhi qual seria a palavra em destaque, nesse caso a palavra escolhida foi “BAZAR”. Com a palavra definida, fui buscar as imagens. As imagens não podem ser selecionadas do Google, por exemplo, pois a maioria delas possui direitos autorais. As imagens precisam ser adquiridas de um banco de imagens, seja ele gratuito ou pago. Nesse banco de imagens, baixamos imagens de alta definição e com licença de uso.

Com as imagens escolhidas, mãos à obra. É preciso recortar as imagens no Adobe Photoshop, colocar máscaras de camadas e tratar as imagens. Com as imagens prontas, hora de colocar a palavra destaque. Com as letras já formatadas chegou o momento de ter criatividade para montar a arte para que tudo se encaixe de forma harmônica.

Palavra destaque e imagens estão harmônicas, se completam, agora chegou a hora de trabalharmos com o fundo da arte. Com um pincel modelo watercolor, fiz alguns detalhes nas bordas, e com um pincel modelo smoke fiz um efeito atrás das imagens e das letras.

Com essa parte da arte pronta, podemos inserir os textos, que serão curtos e objetivos. Nessa arte fiz de forma mais “despojada”, não segui alinhamentos, nem padrões, pois o estilo da arte permitia.

Para finalizar coloquei um efeito matiz na imagem, onde o que é colorido pode ser alterado facilmente de acordo com gosto do cliente. Nem sempre uma arte é aprovada na primeira amostra, geralmente tem alguns ajustes, textos a serem alterados ou algum outro elemento.

Com a arte finalizada, precisamos salvar ela com uma qualidade boa, eu uso geralmente salvar em PNG, onde a arte fica com um tamanho maior, mas na hora de postar nas redes sociais ela não perde a qualidade.

Agora é o momento de escrever a legenda. Essa legenda vai de acordo com o que você definiu com o seu cliente. A legenda pode ser escrita por vocês mesmo ou com a ajuda do cliente.

Para publicar nas redes sociais, eu uso o estúdio de criação do Facebook, onde podemos agendar a postagem tanto no Facebook quanto no Instagram.

E aí, conseguiu entender como funciona esse processo?

Mais artigos